Qual é a massa da Via Láctea? Novos cálculos mais precisos

Uma nova maneira de determinar quanta massa existe na Via Láctea, usando estrelas de hipervelocidade (HVSs) que foram ejetadas do centro da galáxia como ponto de referência, foi proposta por um novo estudo realizado por uma equipe de pesquisadores. de Harvard-Smithsonian Center for Astrophysics.

Quase dois bilhões de massas solares

De acordo com as novas estimativas, mais precisas que as anteriores, a massa de nossa galáxia estaria entre 1,2 e 1,9 bilhão de massas solares.

Os resultados foram publicados na revista Astronomia e Astrofísica. Abraham Loeb, um dos autores do estudo, explicou a importância dessa nova medida:

A Via Láctea fornece um laboratório para testar o modelo cosmológico padrão. Este modelo prevê que o número de galáxias satélites na Via Láctea depende significativamente de sua massa. Ao comparar previsões com o censo de galáxias satélites conhecidas, é essencial conhecer a massa da Via Láctea. Além disso, a massa total calibra a quantidade de matéria invisível (escura), estabelece a profundidade do poço gravitacional e implica a velocidade com que as estrelas se movem para escapar do espaço intergaláctico.

O massa solar É uma unidade de medida usada em astronomia e astrofísica para medir comparativamente a massa de estrelas e outros objetos astronômicos muito massivos, como galáxias. É igual à massa do Sol e equivale a cerca de 332 950 vezes a massa da Terra.