Escolha Do Editor

E se todos os objetos não gasosos do Sistema Solar formarem um único planeta?

Isaac Asimov disse que toda a matéria do universo é como um único grão de areia localizado no centro de uma sala vazia de 35 km cúbicos, e esse grão de areia é pulverizado em fragmentos de fragmentos. Ou seja, os planetas dificilmente são partículas de poeira em um imenso vácuo. Para explicar isso de forma gráfica, o XKCD preparou o seguinte desenho (que a BioTay traduziu gentilmente).